Forum Statistics:



1 post

It is currently 25 May 2018, 01:25

All times are UTC + 1 hour [ DST ]




Post new topic Reply to topic  [ 1 post ] 
Author Message
 Post subject: (Tradução) Entrevista com CM Burchan
PostPosted: 01 May 2018, 02:36 
team member
Name: Diaba dos Infernus
World: Rubera

Posts: 139
Quote:
Entrevista com CM Burchan

Recentemente, o Tibia-Stats teve a oportunidade de entrevistar o Community Manager Bruchan. Abaixo, o resultado:

Olá, Burchan. Muito obrigado por dispor um pouco do seu tempo para responder a nossas perguntas.
Você poderia nos dar uma rápida introdução a seu respeito, para que aqueles que não tenham lido qualquer artigo ou postagem a seu respeito e não façam ideia de quem você é?


Olá a todos. Me chamo Burchan, tenho 28 anos e vivo em Regensburg. Sou entusiasta de culinária e gasto boa parte do meu tempo livre passeando pelos parques e florestas dentro da cidade de Regensburg ou em seus arredores.
Ao entardecer, costumo encontrar alguns amigos à mesa, ou ficar pelo sofá com minha amada.

Também gosto de ler bastante, e com um pouco de disponibilidade e de motivação sobrando, também é possível me encontrar na academia.

Ingressei na CipSoft logo após terminar meus estudos. Sempre me interessei por todos os tipos de diferentes comunidade, especialmente como elas se formam, como seus membros interagem entre si e o tudo o que pode ser construído mesmo que por um pequeno grupo de pessoas.

Apesar de eu sempre ter participado pessoalmente como membro em algumas comunidades, essa é a primeira vez que eu venho a gerenciar uma.

Maneiro, obrigado pela apresentação!
A partir de agora vamos adentrar na entrevista em si, então, aqui vão algumas perguntas:


1- Já fazem quase 02 (dois) anos da sua entrada na CipSoft. Como você sente ter progredido no seu ofício de gerenciar a comunidade tibiama desde então?

Na verdade, me sinto bem feliz com meu progresso até então.
No inicio era especialmente difícil compreender o Tibia em sua completude. Naquela época o Tibia já tinha 19 (dezenove) anos de idade, e basicamente cada jogador minimamente antigo detinha significantemente mais conhecimento sobre o jogo do que eu.

Cheguei a ler um imenso número de postagens no fórum e uma quantidade sem fim de documentação interna até finalmente me dar conta de eu nunca absorveria todo esse conhecimento disperso.

Para minha sorte, entretanto, eu não precisava fazê-lo.: Minhas duas colegas de equipe, Mirade e Rejana, me deixaram em uma posição bem confortável por conta de sua já adquirida experiência e tempo de serviço, o que vem a ser de bastante ajuda em pontos e discussões sensíveis como PvP ou balanceamento de vocações.

Todavia, muita coisa mudou nos últimos anos e eu tive a chance de moderar tais mudanças no Fórum, assim, posso dizer com certo orgulho que já consegui aprender bastante sobre as mecânicas do jogo, sua história, sua mitologia e demais peculiaridades que o fazem tão especial.

2- Fora o seu papel no Fórum, onde você interage com a comunidade e coleta sugestões e opiniões de jogadores, existem outras tarefas de sua responsabilidade que não saibamos?

Além do Tibia, também sou responsável pela comunidade de Panzer League, que no momento o jogo se encontra em softlaunch, uma espécie de lançamento controlado, restrito a apenas em alguns países selecionados, no caso, países no sudeste asiático.
Conforme formos lançando em mais países, minhas atividades de gerenciamento dessa comunidade deve intensificar.

Adicionalmente, nós CMs somos ponto de interesse dentro da empresa, frequentemente questionados sobre nossa opinião nos mais variados assuntos. Agir como representantes dos interesses e das opiniões dos jogadores durante as fases de planejamento e de aprovação de novos projetos é uma atuação importantíssima para nós três.

Fora isso, eu também sou responsável por ajudar nosso time de conteúdo e de desenvolvimento com informações, especialmente quando em busca de possíveis soluções para solucionar bugs, e também participo de reuniões necessárias para reunir informações a respeito das próximas discussões abertas sobre o desenvolvimento de novas mecânicas, as Dev. Notes.

3- Você chegou ao Tibia durante um período de muitas adições controversas ao jogo, como a expansão da Store e o sistema anti ataque DDoS. Eu tenho certeza que a intenção por trás de tais adições foram as melhores, mas como jogador com 13 (treze) anos de estrada e de observação da comunidade, posso dizer que a hostilidade dos jogadores estava no auge àquela época. Claro, críticas são sempre esperadas, mas seu ingresso se deu no meio de uma marcha através de Mordor.
Quais são foram suas impressões iniciais a respeito da comunidade tibiana no início de suas atividades como CM?


Meu primeiro contato com a comunidade foi nos comentários do artigo mensal dedicado a mim: “step by step, little Burchan”. Lá, a comunidade foi bem tranquila e positiva, mas eu já havia lido diversas postagens antes, claro, e sabia que essa calmaria não duraria para sempre.

No início, me deparar com tantas opiniões negativas foi um tanto quanto fora do comum.
Naquela época, os problemas com os quais lidávamos eram significativamente mais numerosos do que atualmente: Não havia servidores sul americanos ainda, o que causava problemas de conexão e alto ping para a maioria dos nossos jogadores.

Como se já não bastasse, também eramos vítimas frequentes de ataques DDoS, e também não eramos capazes de apresentar uma solução satisfatória na nossa luta contra os bots.

Todos esses assuntos eram de extrema importância, claro, e que afetavam os jogadores de forma extramente negativa, então era até compreensível quando alguns jogadores cuspiam fogo pelas ventas no nosso Fórum. Ter que lidar com esses assuntos toda hora, até mesmo em postagens que em nada se relacionavam com esse assunto, foi uma coisa um pouco difícil de acostumar, diga-se de passagem.

Apenas depois de algum tempo eu aprendi a identificar e separar as críticas construtivas da raiva ou da mera zoeira.

4- Ao longo de 2017, diversas foram as adições consideradas positivas, como a expansão do client Tibia 11, como a ferramenta embutida de otimização de conexão e, como deixar de mencionar, o BattleEye.
Quais suas impressões a respeito das mudanças que tais ferramentas causaram na comunidade de 2017 até agora, se é que houve alguma mudança, e agora que a poeira abaixou, como tem sido sua experiência em 2018?


Em bom resumo, posso dizer que tais mudanças foram muito bem recebidas.
Fico feliz de termos conseguido contornar os problemas que mais causavam insatisfação e proporcionar uma experiência de jogo melhor hoje em dia.

Um bom exemplo é o Tibia 11, que especialmente em estágios mais preliminares, teve uma difícil penetração na comunidade, hoje em dia é claro em demonstrar sua força e comprovar a necessidade de dizer adeus à tecnologia ultrapassada do Tibia 10 e do Flash, pelo bem dos anos vindouros.

Obviamente, a positividade dessas mudanças refletiram na comunidade.
Por exemplo, os comentários de ódio em postagens não relacionadas com o assunto, que eu comentei há pouco, diminuíram significativamente.

Também acho que as discussões abertas sobre o desenvolvimento de novas mecânicas são uma ótima forma de compartilharmos nossos planos e nossas ideias com a comunidade, especialmente os que se interessam pelo processo de desenvolvimento.

Sempre haverão assuntos de maior sensibilidade e controvérsia, é claro, e também aqueles que não tem como serem levados a uma discussão aberta à comunidade por motivos diversos como aqueles que integram estratégias de negócios, mas ainda assim acho que há, de modo geral, um ar bem amigável pairando no momento.

5- Qual é a maior mudança, seja dentro ou fora do jogo, que você presenciou e o que é que você acha dela, tanto do ponto de vista como empregado, quanto do ponto de vista como jogador?

Para mim, a maior mudança foi de longe o Tibia 11.
Reconstruir o client do zero foi uma decisão realmente muito boa, porque apesar das dificuldades técnicas e dos bugs enfrentados nos primeiros dias de lançamento, o novo cliente mudou a experiência dos jogadores para melhor.

Grandes funcionalidades, como o bestiário, nunca poderiam ter sido desenvolvidas no Tibia 10, ou apenas seriam possíveis de se fazer em uma qualidade inferior e através de esforço e de investimentos substancialmente maiores.

E isso beneficia não apenas os jogadores, que ganham novas funcionalidades e melhorias, mas também o nosso time de desenvolvimento, que agora possui mais tempo livre e recursos disponíveis para outras tarefas e novos projetos

6- Essa veio da Diaba dos Infernus, da equipe do Tibia-Stats:
Descreva sua personalidade apontando uma raça do Tibia, e diga-nos o porque você se encaixa melhor nela


Olhando no espelho logo cedo quado vou para o trabalho, definitivamente eu escolheria os Zumbis, mas como eu não me sinto exatamente morto por dentro e vocês querem saber da minha personalidade e não da aparência, eu ficaria com os Leões, que por acaso também são meu signo zodiacal.

É que eu não fico de enrolação e prefiro uma abordagem mais rápida e efetiva na minha vida. Nada de rodeios.

E assim que termino o trabalho a ser feito, porém, gosto de poder me deitar no sol pelo resto meu dia, enquanto minha parceira cuida das coisas de modo eficiente.

7- A próxima pergunta foi feita por Alkaroku em nosso Fórum:
Já que você é um CM, imagino que você tenha chegado a jogar Tibia para senti-lo e conhecê-lo melhor.
Quais aspectos do jogo mais te interessaram: PvP, mistérios não solucionados, pegar nível, fazer quests…?


Geralmente fico fascinado pelo folclore dentro do jogo.
Sou o tipo de pessoa que, quando joga algo, gasta imensa parte do seu tempo explorando absolutamente tudo: Gosto de viajar para cada canto do mundo, por mais longínquo que seja, ler todos os livros, todas as anotações possíveis, e imergir nas histórias que aquele universo se propõe a me contar.

E o Tibia tem bastante disso.

Tanto que não consigo entender quando leio gente dizendo de tempos em tempos que o jogo tem pouco de lendas e mitologia própria a oferecer.

Tibia se difere dos outros jogos em muitos aspectos, e dentro deles se inclui justamente essa necessidade de buscar a informação você mesmo. Mas isso demanda tempo, então boa parte dos jogadores só ignora tudo isso e, com pressa, faz as coisas com auxílio de tutoriais e de guias, o que não é lá uma atitude condenável, apesar de na minha humilde opinião, ser extremamente vantajoso gastar seu tempo explorando uma coisa aqui e outra acolá por si mesmo.

Tudo que posso fazer é incentivar o pessoal a ir a uma biblioteca e ligar os pontos por si mesmo.
Dê ouvidos ao que um NPC tem a te dizer e você não vai se decepcionar.

8- Qual a vocação e qual o maior nível de um personagem seu, e o que mais te atrai a jogar nele?

É com pesar que admito não ser dono de nenhum personagem de nível significativamente alto.
E em minha defesa, porém, digo que também não os tenho em qualquer outro jogo que eu jogue. Me considero mais um jogador passivo, que gasta muito mais tempo assistindo os outros jogares em transmissões ao vivo e vídeos do que de fato jogando indo lá e jogando eu mesmo.

No Tibia, não é raro eu também sacrificar o avanço dos meus personagens por um bem maior, numa tentativa de reproduzir algumas situações comunicadas como bug, por exemplo.

Com isso, de tempos eu tempos eu acabo ficando online mas ausente, com atenção em outro lugar, e assim sofro mortes passivas, mas cruciais, causadas por criaturas ou por outros jogadores.

Na verdade, é uma prática que ocorre com muito mais frequência do que eu gostaria de admitir, e já que sou muito pão-duro pra ficar gastando dinheiro com blesses, essas mortes realmente interferem no progresso do meu personagem.

[b]9- Há alguma história divertida ou engraçada, que possa nos contar, sobre suas aventuras por trás das cortinas ou mesmo dentro do jogo?


Bem, vocês sabem: Alemães e humor não combinam.
Sinto muito, mas tudo que eu conseguiria seria assustar os leitores caso compartilhasse algumas de minhas histórias, principalmente sabendo que meu humor é mais trevoso do que as áreas inexploradas do minimapa.

10- A próxima pergunta foi feita pelo jogador Archangel Havok em nosso Fórum:
Sei que não é permitidol que detalhes sejam fornecidos, mas seria legal você me respondesse com o que pode dizer sobre dados e estatísticas após a proteção fornecida pelo BattleEye.
As previsões a respeito do comportamento dos servidores, sua economia, etc, , se é que existe alguma previsão, tem sido cumpridas ou talvez até mesmo superadas?


Sinto que não sou muito capaz de me manifestar sobre esse tema.
Ocorre que a análise dos efeitos do BattleEye nos servidores é uma coisa feita fora da minha área e fora de minha responsabilidade, logo, não posso fornecer qualquer informação confiável por mais que eu quisesse, mas pessoalmente, eu acho que o BattleEye tem trazido e trará efeitos positivos.

De todo modo, tenho a impressão de que o aspecto de socialização entre jogadores tem retomado sua importância dentro dos servidores, após sua integração com o serviço de proteção.

11- O que você mais gosta de fazer dentro do jogo?

Bom, como já dito anteriormente, grande parte do meu tempo é gasto nas bibliotecas ou apenas passeando pelo mundo de Tibia, encontrando novas aventuras e lugares para serem explorados.

Também costumo fazer um comentário amigável ou outro no English Chat, bem como recolher do chão os frascos de poção vazios.

12- Se você tivesse poderes mágicos que te permitissem implementar alguma função ou recurso viável ao universo do jogo, qual seria?

Hipoteticamente falando, seria muito legal ver os as criaturas serem capazes de também usar imbuements.
Esses pobres coitados tem morrido aos montes desde que os tibianos descobriram como imbuir poderes especiais em seus equipamentos e seria no mínimo justo se os Shapers pudessem, também, dividir seu saber com outras criaturas.

obrigado mais um vez pelo seu tempo! Esperamos que tenha gostado da entrevista enquanto aguardamos ansiosos pelo que 2018 vai trazer ao Tibia.
Foi um prazer falar contigo




Tradução e adaptação: Diaba dos Infernus
Entrevista original por Dans cruf e disponível (em inglês) em: http://www.tibia-stats.com/forum/viewtopic.php?f=4&t=365

  Ao longo do ano de 2018, visando uma maior acessibilidade, mensalmente o tibia-stats traduzirá para o português brasileiro todas as pesquisas realizadas e publicadas no nosso fansite ao longo dos anos.
Em caráter especial, sugestões, elogios, críticas e demais comentários e discussões poderão ser postadas em português neste tópico.
Nos vemos no próximo mês
 


Top Offline
 Profile  
 
Display posts from previous:  Sort by  
Post new topic Reply to topic  [ 1 post ] 

All times are UTC + 1 hour [ DST ]


Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 1 guest


You cannot post new topics in this forum
You cannot reply to topics in this forum
You cannot edit your posts in this forum
You cannot delete your posts in this forum

cron
Powered by phpBB © 2000, 2002, 2005, 2007 phpBB Group